Itens proibidos em viagens aéreas.

Vejam quais são os principais itens que não poderão ser despachados nem embarcados como bagagem de mão em uma viagem aérea.

 Conforme Portaria 676 da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a bagagem de mão ou a despachada não poderá conter os seguintes itens:

  1. a) Dispositivos de alarme.
  2. b) Explosivos inclusive cartuchos vazios, munições, material pirotécnico, armas de caça, armas portáteis e fogos de artifício.
  3. c) Gases (inflamáveis, não inflamáveis e venenosos), tais como butano, oxigênio, propano e cilindros de oxigênio.
  1. d) Líquidos inflamáveis usados como combustível para isqueiros, aquecimento ou outras aplicações.
  2. e) Sólidos inflamáveis, tais como fósforo e artigos de fácil ignição.
  3. f) Substância de combustão espontânea.
  4. g) Substância que, em contato com a água, emita gases inflamáveis.
  5. h) Materiais oxidantes, tais como pó de cal, descorantes químicos e peróxidos.
  6. i) Substâncias venenosas (tóxicas) e infecciosas, tais como arsênio, cianidas, inseticidas e desfolhantes.
  7. j) Materiais radioativos.
  8. k) Materiais corrosivos, tais como mercúrio, ácidos, alcalóides e baterias com líquido corrosivo.
  9. l) Materiais magnéticos.
  10. m) Agentes biológicos, tais como bactérias e vírus.
  11. n) Produtos perecíveis contendo gelo em barras ou cubos soltos no interior da embalagem.
  12. o) Quaisquer tipos de tinta (inclusive serigráfica).

Todos os produtos perecíveis e alimentícios, comestíveis em geral, tais como peixes, crustáceos e demais frutos do mar, frescos ou congelados, devem ser acomodados em embalagem à prova de vazamentos, abertura acidental ou mau cheiro.

O produto deve estar embalado internamente em saco plástico à prova de vazamento e a embalagem externa deve ser de isopor revestido com um saco plástico resistente.

Somente será permitido o embarque de gelo em forma de gel ou em sacos plásticos isolados e herméticos. Para o caso de transporte de armas, deverão ser observadas as restrições e instruções especiais tratadas em legislação específica.

Novas regras para embarque de passageiros portando líquidos em voos internacionais e trechos domésticos de voos internacionais

Os passageiros de voos internacionais (mesmo em etapas domésticas) e os de voos nacionais que utilizam o salão de embarque destinado aos voos internacionais (voos que começam com o número “7?) estarão sujeitos às restrições estipuladas pela Agência Nacional da Aviação Civil (ANAC) para o transporte de substâncias líquidas em suas respectivas bagagens de mão.

 

 O transporte de líquidos (incluindo gel, pasta, creme, aerosol e similares) em bagagem de mão deve ocorrer da seguinte maneira:

– O líquido deve estar em frasco de capacidade de até 100 ml. Frascos acima de 100 ml não podem ser transportados, mesmo que contenham a quantidade estipulada.

– O passageiro deve acondicionar o frasco adequadamente (com folga) dentro de uma embalagem plástica transparente vedada, com capacidade máxima de 1 litro e tamanho máximo de 20 cm x 20 cm.

 

Se você gostou destas dicas,  compartilhe com seus amigos.

Por fim, adoraria ter sua opinião ou dúvidas registradas nos comentários.

 

Veja também:

Estudo revela qual melhor dia para se comprar passagens aéreas barata. 

Passagem aérea barata Tam. 

Passagens aéreas azul, principais perguntas e respostas.

Super promoção de passagens Gol linhas Aéreas 

Vai comprar passagens aéreas pela internet? Cuidado para não cair em ciladas. 

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *